quinta-feira, 11 de setembro de 2008

A gente espera do mundo e o mundo espera de nós...


Diz aí: paciência é uma arte, não é? Eu sinceramente admiro muito as pessoas pacientes; acho o máximo quando vejo alguém que não se descabela com aquela barbeiragem cabeluda no trânsito, ou simplesmente não esquenta a cabeça se recebe uma mega chamada do chefe. Sou naturalmente estressada, apesar de parecer alguém relativamente zen. Ranjo os dentes quando sou obrigada a encarar uma fila de quinta no banco, tenho cólicas quando estou num engarrafamento de São Paulo e literalmente não respiro quando me sinto como um peixe fora d'água em determinadas situações do dia-a-dia. Fala sério: tem coisa mais de primeira do que se sentir em casa? Ah, como é bom! Como é bom conhecer as pessoas, os caminhos, as histórias... Em contrapartida, como é maravilhoso também mudar o rumo de nossa própria vida e trilhar caminhos mais felizes! A única coisa complicada, neste caso, é ter paciência com o re(começo)... Porque quando saímos de um trabalho antigo, por exemplo, e começamos um novo, apesar de toda a alegria e entusiasmo com o que está por vir, precisamos de um mínimo de tempo para que o desconhecido 'assustador' se transforme naquele velho conhecido aconchegante. Precisamos da tal da paciência - consigo, com o outro, com a vida. Então, querido leitor, aproveito esta noite abafada de quinta(feira) para presenteá-los com uma lindíssima música do Lenine e lançar a seguinte pergunta: o que você faz para exercitar essa virtude de primeira chamada paciência?

11 comentários:

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Paloma, eu faço é nada!!! Sou sem paciência total!!!!
Só tenho paciência pra uma coisa: adoro trânsito de balada, sabe aquelas filas monstras que a gente pega 10 quarteirões antes?? Pois é.... entro em cada uma q adoro!
Bjo
*lala*

Rê disse...

desconto na comida. kkk
agora, por exemplo, acabei de chegar estressada e estou comendo petit gateau. hehe

Ita Andrade disse...

Tres coisinhas de primeira que eu aprendi antes da terceira (idade)
1- ser paciente é reconhecer-se incompleto...
2- o segredo da paciencia é a confiança...
3- a recompensa da paciencia, é a paciencia...
Que acha?
beijos Palomita, ve o post do Joshua Bell, é bacana!

marcia disse...

Falo todo dia para mim mesma,tal como um mantra:"Preciso me acalmar,preciso ter paciencia,preciso...".Acho que não está adiantando não!rsrs
Bjos

Carrie disse...

eu faço é nada também!

sou a pessoa mais intolerante de São Paulo e tenho que melhorar isso!

Meu namorado quer me matar quando eu trato mal alguma vendedora de Shopping, mas pÔ...tô ali é pra ser bem atendida não é? E tenho culpa se ela trabalha de domingo e eu faço compras?

E quando mando trocar a batata frita fria do mc donald's? ele quer sumir! Mas caramba! Por aquele preço eu ainda tenho que engolir fria? rs

Na verdade, a falta de paciência não se restringe ao namoro, a shoppings e mc donalds..pode refletir no trabalho e criar ambiente tenso demais pra se viver!

vivi isso uns dias atrás...
por isso..acho que a unica coisa que faço pra exercitar...é pensar em começar a exercitar...rs

bjus

Anônimo disse...

Olá,

Tudo bem?

As meninas no Calcinhas no Box, indicou o Garotas de segunda para participar do BLOG TRACKS.

O Blog Tracks é um programa exibido pela DELAS WEB RADIO as terças e quintas. (para saber horários, acesse www.delaswebradio.com.br)

A idéia é transformar os mais variados blogs em edições deste programa.

Você monta a trilha sonora e nós falamos sobre seu blog.

Aguardo contato

Abraços

KHRISNA FERRAZ
k.ferraz@delaswebradio.com.br
BLOG TRACKS
NA TRILHA DO SEU BLOG

Carolina disse...

Já fui mais impaciente do que sou hoje, por exemplo nasci dez dias antes do previsto e não cheguei a sala de cirurgia, foi ali mesmo no corredor do hospital. hehhe
Enfim desde então a vida tem sido uma correria pra mim e tudo tem que ser pra ontem. Com o passar dos anos amadureci em alguns pontos e noutros ficou mais gritante a minha pressa de viver, mas até que faço um bom meio termo neste quesito, já fui pior.
Não faço nada pra exercitar esta arte simplesmente deixo " no andar da carroça as melancias se ajeitam"...de vez em quando, claro!
bjos queridos

Sra. Turista disse...

Oi Paloma, sorry pelo comentário off topic. É que a Ana do Baú Rosa Choque me mandou um premio do Arte y Pico e vc é uma das minhas 5 indicadas. Dá uma olhada no meu post
http://alguemmaisviu.blogspot.com/2008/09/ebaaaa-eu-tenho-fs.html
bjs

asesforcadas disse...

Caiu como uma luva!

bj

Cris

*Lusinha* disse...

Ainda acho que paciência deveria ser vendida em doses homeopáticas nas melhores farmácias e drogarias. ;)
Bjitos!

Drunken Alina disse...

Ouvi dizer que a paciência é a maior virtude.

Virtude essa que também não tenho!!

Beijos!!!!