segunda-feira, 28 de julho de 2008

Dicas de primeira para viajantes que não querem enfrentar surpresas de segunda – Parte I


* Um pouco de pessimismo faz bem. Portanto, não pegue a mala da sua amiga querida emprestada. As chances de alguma companhia aérea quebrá-la é considerável;

* Mais um bocadinho de pessimismo também não faz mal a ninguém. Portanto, se você já fez a besteira de pegar a mala da sua amiga querida emprestada (que agora você já sabe, certamente será detonada em algum momento crucial da viagem), pelo menos tenha o bom senso de levar pouca bagagem. Assim você não corre o risco de ficar perdida no meio de alguma cidade estranha, cercada de pessoas estranhas e que falam uma língua estranha, com uma "parceira" de 32kg sem rodinhas (em outras palavras, se não for ter consideração pela amiga, pelo menos tenha piedade de si mesma);

* Não ache que só porque o acesso à educação nos deslumbrantes países de primeiro mundo é irrestrito que as pessoas recebem uma boa educação em casa e são gentis umas com as outras. Portanto, se estiver na Europa, não estranhe se um francês simplesmente fingir que não é com ele quando você fizer uma pergunta simples, ou um italiano der uma risadinha maliciosa quando você disser que é brasileira;

* Não caia na besteira de achar que o inglês é o esperanto do mundo globalizado. Não, ele não vai ser muito útil em países mais conservadores (como Itália, por exemplo), e ainda queimará seu filme em locais como a França (prepare-se para ser ignorado, na melhor das hipóteses, ou mal-tratado, na pior, quando pronunciar a frase please, can you help me?);

* Não fique mal acostumada com a organização e eficiência dos países de primeiro mundo. Quando voltar ao Brasil, releve a fila de uma hora para conseguir chegar até a esteira onde está a sua bagagem, medite na de três para conseguir passar pela Polícia Federal antes de partir para o abraço de quem ansiosamente te espera e ore pela alma do metido a espertalhão que furou a fila e entrou na sua frente. Lembre-se: apesar de tantas injustiças, tantas desigualdades e tantas sacanagens, você teve a sorte de nascer em um país tropical, abençoado por Deus, bonito por natureza e o que é melhor: com um povo de primeira, sorridente e acolhedor como poucos.

(Sim, voltei, voltei, e apesar de ter vivido dias maravilhosos e absolutamente inesquecíveis, estava morrendo de saudades do Brasil. E do arroz-com-feijão. E do Garotas de Segunda. E de vocês. Histórias não faltam; vou contando aos pouquinhos. Dia após dia, enquanto minha parceira descansa durante suas merecidas férias. Amanhã tem mais! Até já!).

7 comentários:

Garotas de Vinte e Poucos disse...

Paloma, nem precio dizer que seu texto é ótimo. A análise é perfeita... já passei por tudo isso e sei como é! Já tive que desenhar a Torre Eifel (é desenharrrrr, pq nem pular e fazer mímica funcionou) pq o amigo taxista francês nem se importou com meu Eifel Tower, já fiquei sem roupa por 1 semana qdo perderam minhas malas em Atlanta, ou será Chicago???? Vai saber, nesse meio tempo eu estava em Washington DC presa dentro de um avião!! kkkk

E mala de amiga é roubada mesmo... no meu caso, minha mãe fez o favor de emprestar a minha pra filha do auditor da empresa, que foi passar férias nos EUA, resolveu ficar por lá e depois mudou pra Austrália! kkkkkk
só rindo!

mega beijo
continuo com textos assim.

*Lala*

Karenkar disse...

Welcome to Brazil!

danisiinha disse...

quero saber tudooooooooooo e adorei as dicas .... pra quando eu for... bjsss

Gis disse...

Oie! Imagine o que vai ser a minha vida em Portugal! hehehe Aquele raciocínio literal vai me enlouquecer. Já estou me preparando para relevar tudo e tentar ficar sempre de bem com a vida. ;-) Minha irmã vai me emprestar uma mala gigante, mas é apenas para carregar a mudança de roupas até a casa nova. Pela Europa eu vou com a minha malinha de bordo de segunda mesmo. Bjos e bem-vinda!

Claudia Pimenta disse...

oi paloma! conheci seu blog há pouco tempo, enqto vc estava na europa... e hoje, volto p/ver as novidades! ótimo texto - as mais puras verdades!!! adorei! bjs e passe nos meus blogs p/conhecer - o seu já está linkado por lá...
http://pepperinfashion.blogspot.com
http://comsaudadedeparis.blogspot.com
seja super bem-vinda!

Anônimo disse...

êba!!!! voltou!!!!!!

já estava cheia de saudades!

ah, maravihosa matéria para a revista!
bjao

Rafa disse...

êba!!!! voltou!!!!!!

já estava cheia de saudades!

ah, maravihosa matéria para a revista!
bjao