quinta-feira, 10 de abril de 2008

Molho de acém da Silândia


Não existe carne de segunda e sim carne mal feita. Até um filé mignon do Bassi pode ficar intragável com o preparo equivocado, enquanto uma bela peça de acém pode render um molho suculento e saboroso, se cair em mãos de fada. A tese, que promete revolucionar o mercado das carnes de segunda, surgiu numa conversa informal com Maria Pasquatti, uma empresária-dona-de-casa-mãe-de-dois-meninos, com quem eu e Paloma dividimos a mesa num jantar de primeiríssima, no restaurante Chakras, em Sampa. Ali, naquele restô descolado, engatamos um papo de segunda dos mais divertidos, e Maria me prometeu a receita do molho de acém da Silândia, sua empregada e "supercook". Adorei a idéia do molho e o nome da moça! Então, lá vai, em primeira mão, para o Garotas de Segunda, a dica da chef Silândia:

Molho de acém da Silândia

Ingredientes:

1 kg de acém em cubos
4 cebolas picadas
2 colheres de açúcar
½ cabeça de alho
5 tomates sem pele e sem semente
3 caldos de carne
2 folhas de louro
3 copos de vinho tinto
3 latas de molho de tomate Elefante
3 latas de molho de tomate Elefante TEMPERADO
6 medidas de água na latinha do molho de tomate

Preparo:
Refogar o alho e a cebola no azeite (à vontade), colocar a carne em cubos e deixar fritar bem. Depois colocar em OUTRA panela grande com os demais ingredientes. O molho estará pronto quando a carne estiver "desmanchando". Deixar no fogo baixo por aproximadamente 3 a 4 horas.
Dica da Maria: "Como esse molho rende bastante, você pode congelar. Fica delicioso com massas, panquecas, etc, etc".

3 comentários:

Renata Négri disse...

Enqüanto lia o texto fiquei pensando: Puts, há pouco derrubei dois pratos tentando lavar a louça. Se eu me atrever a colocar o pé na cozinha de novo - dessa vez para preparar o famigerado molho - o que poderá acontecer?
Não vou me arriscar, gente. rs
A receita vai para a Mamis. Fico olhando de longe e, quando ficar pronto, hum...

rosane queiroz disse...

Renata,

quem não arrisca, não... petisca. sorte de voce que tem mãe pertinho pra testar as receitas!

conte pra gente depois.

e, pessoal do post abaixo, do city bar, não consigo mais ficar um dia sem ir nesse lugar. quanta polêmica! Paloma, temos de dar um jeito
besos, ro

Lilian disse...

Vale pra cozinheiras de segunda, né?