segunda-feira, 17 de novembro de 2008

A felicidade é como a gota de orvalho numa pétala de flor...


Se segunda-feira é o dia oficial dos começos – dieta, academia, projetos, etc. e tal -, podemos dizer que o “ano novo” é o período oficial das grandes mudanças. Quem não faz uma listinha (mesmo que imaginária) de todas as atitudes e ações que pretende adotar após o reveillon? É clássico! Básico! Em dezembro passado, colei na minha geladeira um papel com tudo o que pretendia implementar em minha vida em 2008. Ainda está lá, exposto, para que até o último dia deste ano, eu não esqueça nem um momentinho sequer dos compromissos internos que eu assumi comigo mesma. Hoje, enquanto tomava café, rapidamente bati os olhos no papelzinho, e um tópico em especial me chamou a atenção: “ser feliz todos os dias”. Olha que desejo mais complexo! Por alguns instantes, parei para refletir sobre o conceito de “felicidade”, e em seguida perguntei a mim mesma se eu havia conseguido realizar este sonho até hoje, segunda-feira, 17 de novembro de 2008, 13h19. Depois de silenciar os pensamentos e abastecer minha xícara com mais um pouco de café, me vieram duas respostas. Uma, confesso, bastante simplória e conformista: “ninguém consegue ser feliz todos os dias. E as segundas-feiras? E as brigas com o namorado? E as broncas do chefe? Que desejo mais irreal, mais surreal!”. Já a outra foi bem mais subjetiva, porém mais honesta por não conter tantos julgamentos ou idealizações: “ser feliz é se entregar, é viver com intensidade, todos os dias. Não significa acordar gargalhando, mas tem tudo a ver com olhar para trás e pensar ‘dei o meu melhor à vida, às oportunidades, às pessoas que amo, e não me arrependo de nada, absolutamente nada do que fiz'”. Fiquei com a segunda resposta, pois é exatamente esse o meu conceito de felicidade: não ter medo de se entregar, se jogar pra valer - mesmo que isso gere alguns galos na cabeça depois. E pra você, o que é ser feliz? Já começou a bolar alguns itens da listinha de desejos para 2009?

6 comentários:

andreia disse...

Sim! Ser Feliz Todos os Dias é uma meta! E essa tb está na minha listenha todos os anos, pq, afinal, o q é preciso para ser feliz? É estar viva, ter amigos, uma familia escolhida, ter saúde, ter prazer em pequenas coisas, fazer o q se ama...
ah sapos? obstaculos? sanguessugas? só existem pra gente ter certeza q pode passar por cima deles...
Adoro seus posts,
bjks

vida cotidiana disse...

Eu sempre escrevo uma enorme, ai vou riscando até chegar a algo que sei quer posso tentar realizar, esse ano de 2008, até que algumas eu realizei. Mas 2009 eu sei que quero grandes desafios.bjs

Felina disse...

Lista....
Sabe que nunca fui de ficar fazendo listas ? Pq acho que de uma certa forma,é uma maneira de se dizer
"vou ser feliz quando conseguir isso...."
"vou ser feliz quando acontecer aquilo...."
"vou estar feliz quando atingir esse e aquele resultado...."

Eu quero ser feliz a cada dia,por cada acontecimento da minha vida,desde os menores,até os maiores.Quero ser feliz todo dia um pouquinho,dependendo unicamente de mim pra ser feliz,e não depender de acontecimentos.
Mesmo com coisas negativas na minha vida,quero aprender a lidar com elas,e ser feliz...

Hm....Falar assim é muito fácil e parece uma lição de moral...Nunca...Se for pra ser lição de moral,que seja a começar por mim !!! ^^

bjinhusssss

Marina Morena disse...

que lindo isso, paloma!
positivo, bacana, alto astral... eu acho q essa meta tem que valer para todos! teríamos muito menos pessoas chatas e mal-humoradas se todos tivessem o objetivo diário de ser feliz.
Bjs!

Lúcia Soares disse...

"Felicidade é um momento que dura uma eternidade. Se durar mais que um momento, já não é felicidade!" Tenho esse versinho há anos, e nunca soube quem o fêz. Mas nunca o esqueço. Felicidade é acordar todos os dias e poder estar de pé, fazendo da rotina o melhor que pudermos, ou driblando-a, pra novos vôos ou saltos. Não se sabe o que seja a felicidae. Só podemos sentí-la, sem explicar. Pode ser olhar pela janela e ver o por-do-sol. Pode ser olhar pela janela e ver as nuvens, abaixo das asas do avião que nos leva pra Paris, pode ser olhar a vitrine, entrar e comprar "aquela" bolsa...Não, definitivamente não...Felicidade não é material...

Diógenes Lima disse...

Felicidade é um momento que dura uma eternidade. Se durar mais que um momento, já não é mais felicidade!"

(Trova popular - Autor desconhecido)